3ª Edição do Festival BB Seguridade de Blues e Jazz

0

foto cezar fernandes

Evento que reúne importantes artistas de blues e jazz, atrai adultos e inclui ações para crianças, tem edições em seis capitais

A terceira edição do Festival BB Seguridade de Blues e Jazz, que começou no dia 3 de junho em Curitiba (PR), passou por Belo Horizonte dia 11 e Brasilia (DF) no dia 24 de junho, acontecerá em São Paulo em 1º. de julho, das 11h às 19h, no Parque Villa-Lobos- Ilha Musical. A programação mescla blues e jazz e conta com line up caprichada, além de eventos para as crianças. Esta edição já levou música e diversão para cerca de 35 mil pessoas nas duas primeiras praças.

As atrações são a linda e carismática cantora e gaitista argentina Xime Monzon que vai dividir o palco com Flávio Guimarães, o mito do blues americano Joe Louis Walker que volta a São Paulo depois do sucesso no Bourbon Street, o consagrado Zeca Baleiro, fazendo um inédito show de blues, a lenda da música mundial Hermeto Pascoal, O Bando fazendo o Tributo aos Deuses da Guitarra, a contagiante Red Hot Jazz e Amilson Godoy com Arismar do Espirito Santo compõem o elenco.

Conceito

O evento foi criado com um conceito simples: um dia para curtir com a família e os amigos. Para que isso se concretize, os shows são sempre realizados em locais ao ar livre, com bons espaços para o convívio social, no melhor espírito “música no parque”.

A terceira edição do Festival BB Seguridade vem cercada de grandes expectativas, especialmente se levarmos em conta os ótimos números contabilizados em 2016. Os shows atraíram: 15 mil pessoas em São Paulo; 20 mil em Brasília; 18 mil em Recife e 32 mil em Porto Alegre. Tal êxito levou ao acréscimo de mais duas capitais na programação de 2017, Curitiba e Belo Horizonte.

Em 2015, em sua edição inaugural, o Festival BB Seguridade de Blues e Jazz contemplou São Paulo e Brasília com nomes como Stanley Jordan, Blues Etílicos e Nuno Mindelis, com ótima repercussão. Em 2016, tivemos Maria Gadú, Steve Guyger, Marco Lobo Quinteto e David Liebman e Toninho Horta, com etapas em São Paulo, Porto Alegre, Brasília e Recife.

Além de Curitiba e Belo Horizonte, o Festival BB Seguridade de Blues e Jazz terá etapas em Brasília (24 de junho), São Paulo (1º de julho), Recife (23 de setembro) e Porto Alegre (30 de setembro), sendo que as programações de cada etapa serão divulgadas futuramente.

O projeto é realizado via Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, com patrocínio da BB Seguridade e realização da Marolo Produções, Ministério da Cultura e Governo Federal, Ordem e Progresso.

Programação e horários dos shows em São Paulo

Joe Louis Walker, Xime Monzon e Flávio Guimarães, Hermeto Pascoal, Zeca Baleiro, Tributo aos Deuses da Guitarra/O Bando, Red Hot Jazz e Amilson Godoy convida Arismar do Espirito Santo

11h00 Red Hot Jazz Band

12h00 Tributo aos Deuses da Guitarra/O Bando

13h10 Amilson Godoy convida Arismar do Espírito Santo

14h10 Xime Monzon e Flávio Guimarães

15h15 Hermeto Pascoal

16h20 Joe Louis Walker

17h40 Zeca Baleiro

 

Fora as atrações artísticas, teremos atividades especialmente programadas para as crianças.

– Oficina de desenho e colagem

– Oficina de malabares

– Oficina de musicalização

– Pintura artística facial

– Escultura de balão

As atividades infantis começam às 14h e vão até às 18h.

São gratuitas e por ordem de chegada.

Saiba mais sobre os artistas escalados:

Joe Louis Walker

Cantor, compositor, guitarrista e produtor, Joe Louis Walker nasceu em San Francisco, California (EUA) em 25 de dezembro de 1949. Ele iniciou a carreira na segunda metade dos anos 1960, tocando com lendas do blues e do jazz como John Lee Hooker, Willie Dixon, Otis Rush, Thelonius Monk, John Mayall, Muddy Waters, Steve Miller e Mike Bloonfield.

O artista se manteve afastado da cena do blues entre 1975 e 1985, período no qual se dedicou aos estudos (graduou-se em nível universitário em música e inglês) e tocando eventualmente e apenas com um grupo de gospel. Em 1985, após participar com destaque do New Orleans Jazz & Heritage Festival, resolveu voltar à música em tempo integral.

Em 1986, ele coroou este retorno com o lançamento de seu primeiro álbum-solo, “Cold Is The Night”, e a partir dali consolidou sua carreira como um dos grandes nomes do gênero, misturando blues, rock, soul e jazz e lançando 23 álbuns e 3 DVDs. Três desses álbuns foram produzidos pelo lendário guitarrista, produtor e compositor Steve Cropper, conhecido por seu trabalho na gravadora de soul e blues Stax/Volt nos anos 60.

Walker já gravou com B.B.King, Buddy Guy, Bonnie Raitt e Scotty Moore, e concorreu ao Grammy em 2016 com o seu mais recente álbum, “Everybody Wants a Piece Of Me”. Ele também possui em sua estante quatro Blues Music Awards, um dos mais importantes prêmios dedicados aos músicos de blues, além de ter sido introduzido no Blues Hall Of Fame em 2013.

Xime Monzon Blues Band
A cantora e gaitista argentina Xime Monzon vêm se destacando de forma muito grande dentro da consistente cena blueseira argentina, tendo participado de diversos festivais no México, Brasil, Chile e Argentina. Tocando desde 2006 e com dois álbuns lançados, Xime se destaca pelos vocais precisos e gaita expressiva, com influências de mestres deste gênero musical como Slim Harpo, James Cotton e Junior Wells.

Como no blues a presença de palco e interatividade com a plateia são essenciais, Xime domina como poucos esses quesitos, mostrando carisma, segurança e simpatia. Predominam no seu repertório músicas dançantes e cheias de balanço, que transformam seus shows em verdadeiros bailes.

Em junho de 2016, Xime mostrou todo o seu talento ao participar como convidada especial do show de Flávio Guimarães e Netto Rockfeller, durante o Bourbon Folk & Blues Festival, realizado em Ilhabela (SP), encantando a todos com uma presença de palco cativante.

Nesses shows no Brasil, dias 24 de junho em Brasília e 1º de julho em São Paulo, dentro da programação do BB Seguridade, Xime será acompanhada por Mauro Bonamico no baixo, Daniel Hansen na bateria, Danilo Simi e Netto Rockfeller (seu parceiro em Ilhabela) nas guitarras. O show promete!

Flávio Guimarães, guaitista à frente do Blues Etílicos, é a marca mais forte do blues nacional e a banda há mais tempo em atividade nesse segmento, com mais de 30 anos de carreira.

Se o blues hoje no Brasil é um mercado consolidado com inúmeros festivais que recebem a cada ano atrações nacionais e internacionais, muito se deve ao Blues Etílicos e a seu líder, Flávio Guimarães. Graças ao trabalho contínuo e consistente do grupo, toda uma geração de músicos e produtores de shows se interessou por esse estilo musical, formando um público fiel e numeroso.

Links Xime Monzon

http://ximemonzon.com/

https://www.youtube.com/watch?v=JpE5OjF7y_8

https://www.youtube.com/watch?v=CnvMs1rfj6o

https://www.youtube.com/watch?v=nvs94PxdziY

 

Zeca Baleiro

Zeca Baleiro mostrará sua faceta mais blueseira no Festival BB Seguridade de Blues e Jazz. O repertório terá clássicos do blues americano, de artistas como Leadbelly e Albert Collins, e clássicos brazucas de autoria de Sergio Sampaio e Celso Blues Boy. Baleiro cantará ainda canções da própria lavra, como “Blues do Elevador” e “St Louis Blues”, esta última inédita. O set se completará com releituras de canções com pegada bluesy e jazzy.

Zeca Baleiro tocará acompanhado de seu versátil quarteto: Tuco Marcondes (guitarras e vocais), Adriano Magoo (teclados, samplers, sintetizadores e acordeon), Fernando Nunes (baixo) e Kuki Stolarski (bateria e percussão).

Em 2017 Zeca Baleiro celebra 20 anos do lançamento de seu primeiro disco, “Por Onde Andará Stephen Fry?” (1997). Desde então, lançou outros nove discos de inéditas, alguns (vários) projetos especiais e oito DVDs. Em 2014 lançou seu primeiro álbum infantil, “Zoró [Bichos Esquisitos] Vol.1”, que ganhou um aplicativo e saiu em dvd com animações em 2016, mesmo ano em que lançou “Era Domingo”, seu 10º álbum de inéditas.

Artista plural, ele construiu uma carreira sólida, sempre surpreendendo público e crítica a cada trabalho. Com melodias certeiras, arranjos elaborados e poesia em alta voltagem, Baleiro apresenta sua espirituosa visão de mundo em canções originais. Além disso, tem se revelado sagaz intérprete de outros compositores e se envolvido com novas áreas, como a literatura e o teatro.

http://www.zecabaleiro.com.br

Hermeto Pascoal & Grupo

Em 2016 Hermeto Pascoal completou 80 anos. O alagoano de Lagoa da Canoa salta e dança no palco como se fosse um menino: multi-instrumentista, o mestre toca teclado, piano, flauta-baixo, escaleta, sanfona 8 baixos, chaleira, berrante e uma infinidade de instrumentos ao lado de seu lendário grupo, formação que mantém a mesma tradição desde os anos 1970. Ao longo de sua carreira, já lançou mais de 35 discos e participou de incontáveis gravações.

Compositor compulsivo, compõe sem parar. Nos anos 90, para o projeto “Calendário do Som”, publicou uma música por dia que foram reunidas em um livro de 414 páginas, lançado em 1999. Em 2007, Hermeto disponibilizou integralmente a sua obra para gravação, dizendo “aproveitem bastante” aos músicos de todo o mundo.

Reconhecido e adorado mundialmente por seu papel na história da música brasileira. Como instrumentista, arranjador, improvisador e compositor, Hermeto criou conceitos como Música Universal, Cifragem Universal, Música da Aura, Música dosFerros e Método do Corpo Presente. Com carreira que se iniciou em 1950, em Recife, no início dos anos 70 já ganhava fama Internacional ao participar do disco “Live–Evil” de Miles Davis,

Na ocasião, Miles disse que Hermeto era “o músico mais impressionante do mundo”. Hermeto formou importantes grupos, entre eles o Quarteto Novo (1967) e o Brazilian Octopus (1969), além de ser reconhecido fora do país graças às apresentações e participações em grandes festivais, como o de Montreux (Suíça), em 1979, quando foi editado o álbum duplo Hermeto Pascoal AoVivo. “O bruxo” ou “O mago”, como o chamam, é considerado por boa parte dos músicos um dos maiores gênios em atividade.

Ao longo de sua carreira, Hermeto já adaptou muitos objetos como instrumentos musicais, como chaleiras, brinquedos de plástico, serrotes e latas, extraindo música boa de qualquer coisa. Compôs peças sinfônicas e excursiona pelos Estados Unidos e Europa, onde é muito popular.

Em suas apresentações, o público é agraciado com grandes sucessos de sua carreira, além de improvisos em diversos instrumentos e objetos inusitados, de maneira interativa com a plateia.

Nesta turnê especial, o Grupo formado por Hermeto fica em evidência como uma espécie de “Nave Mãe” pela qual passaram grandes instrumentistas da música brasileira, como Carlos Malta, Jovino Santos Neto, Nenê, Marcio Bahia, Heraldo do Monte, Vinícius Dorin, entre muitos outros.

Atualmente, o Grupo é formado por Itiberê Zwarg (baixo), Jota P. (saxes e flautas), Fabio Pascoal (percussão), André Marques (piano) e Ajurinã Zwarg (bateria), além, é claro, de Hermeto Pascoal, o “campeão”!

Formação

Hermeto Pascoal–piano, teclados, acordeon e voz

Fabio Pascoal– percussão

Itiberê Zwarg – baixo e voz

André Marques – piano

Jota P – saxes e flauta

Ajurinã Zwarg– bateria

Facebook

https://www.facebook.com/hermeto.pascoal.o.campeao/

Instagram

https://www.instagram.com/hermetopascoal/

 

Tributo aos Deuses da Guitarra – O Bando

Minas Gerais é berço de grandes talentos musicais, é o coração do Clube da Esquina. Mas, entre as montanhas de Minas também pulsam fortes estilos como o blues e o rock and roll. O grupo mineiro O Bando apresenta o melhor do Blues, mesclando grandes sucessos a um repertório próprio. Os mineiros já se apresentaram ao lado de nomes como Os Paralamas do Sucesso no Circuito Brasil Musical, em João Pessoa (PB), entre outros. O Bando tradicionalmente faz a abertura do Festival Música do Mundo, que está na 6ª edição.

O grupo, conterrâneo de Milton Nascimento, viajou pelo Brasil ao lado do ícone da MPB na turnê do disco “…E a Gente Sonhando”, entre outros projetos. Atualmente, os integrantes de O Bando também desenvolvem projetos paralelos, como o Ummagumma – The Brazilian Pink Floyd (principal cover do Pink Floyd do Brasil), idealizado e liderado pelo vocalista e guitarrista Bruno Morais.

Entre as músicas do seu set list, teremos:Jessica” (The Allman Brothers Band), “Before you accuse me” ( Bo Diddley) e “Paraíso de Pedra” (Dentinho).

O Bando é formado por Felipe Duarte – guitarra e vocal, Bruno Morais – guitarra e vocal, Alessandro Brito – bateria, Dayvid Castro – contrabaixo, Mazinho – teclados.

Amilson Godoy convida Arismar do Espirito Santo

O pianista, compositor, maestro, arranjador e professor Amilson Godoy integrou os grupos Bossa Jazz Trio e Medusa, e já se apresentou com os mais variados e expressivos nomes da MPB. Além de seu trabalho como pianista, Amilson tem dedicado tempo à sua Orquestra Sinfônica Arte Viva, onde atua em projetos especias com artistas nacionais e internacionais.

Integrou os grupos Bossa Jazz Trio e Medusa, apresentando-se com vários artistas da MPB, como Elis Regina, além de temporadas com artistas internacionais como Dizzy Gillespie, Shirley Bassey e Sadao Watanabe.

Foi coordenador de escolas de música e de programas de televisão. Paralelamente ao piano, desde 1996 Amilson se dedica às atividades de sua Orquestra Sinfônica Arte Viva, com quem tem atuado em projetos ao lado de músicos como Ivan Lins, Yamandú Costa, Gal Costa, Maria Rita, Daniela Mercury, Zimbo Trio, Toquinho, Elba Ramalho, Dominguinhos, Milton Nascimento, Gilberto Gil, Zélia Duncan, Stanley Jordan, Mônica Salmaso, Zizi Possi, John Pizzarelli entre outros.

Em seu CD “Na Base do Improviso” Amilson já fez parceria com Arismar do Espírito Santo entre outros músicos de primeira linha..

Arismar do Espirito Santo ,nome consagrado no meio musical, referência em vários instrumentos, é um músico completo. Sua maneira de tocar e compor, sob a força máxima da intuição e espontaneidade, harmonias inusitadas, improvisos melódicos, ritmo contagiante e criatividade têm sido sua marca registrada. Traz para cada instrumento as experiências e linguagens desenvolvidas na bateria, no baixo, no piano, na guitarra e no violão 7’. Recebeu o Prêmio Sharp de Música e foi eleito um dos 10 melhores guitarristas do Brasil (Guitar Player). Assina e dirige vários projetos: Cordas à Solta, Alô Bateria, Canção sem Fronteiras, Encontro Brasileiro do Acordeon são alguns exemplos.

Tem oito discos gravados, além de participar como solista em inúmeros outros CDs

Atualmente Arismar apresenta seu novo trabalho, o Projeto “Alegria nos Dedos”, composto de CD, Songbook e Oficinas de Criação Musical, onde destaca a sonoridade que pode ecoar de cada instrumento, com improvisos melódicos, combinações coloridas e simplicidade. Busca criar e interpretar temas como uma forma de transporte, que proporcione, a cada audição, a ilusão de um tempo suspenso.

Red Hot Jazz

Liderada pelo trombonista Alexandre Arruda, a Red Hot Jazz apresenta repertório de jazz tradicional até o contemporâneo, ou seja, de Louis Armstrong a Miles Davis.

Apresenta-se nas melhores casas de jazz, tais como Bourbon Street, Ton Ton Club, entre outras, em performance dinâmica, que contagia o publico, com seis componentes, sendo um banjo, tuba, washboard, trombone, piston e saxofone.

Formada por músicos experientes, sob a batuta de Alexandre Arruda, trombonista famoso, dedicado ao jazz desde que iniciou sua carreira de músico, tendo sido integrante requisitado de todos os grupos de jazz tradicional de São Paulo, com grandes trabalhos realizados com bandas internacionais, em temporadas na Europa e USA.

Sobre a BB Seguridade

A BB Seguridade é a empresa que reúne todos os negócios do Banco do Brasil na área de seguros, previdência complementar e capitalização. Entre suas coligadas estão a Brasilprev, o Grupo Segurador BB MAPFRE e a Brasilcap. Também é detentora de parcela do IRB-Brasil Resseguros e controladora da Brasil Dental. Em 2013 abriu seu capital em bolsa, realizando o maior IPO do Brasil desde 2009 e o maior no mundo do ano de 2013. A BB Seguridade é líder de mercado em todos os segmentos nos quais atua.

 

SERVIÇO

3ª. Edição do festival BB Seguridade de Blues e Jazz – São Paulo

Dia: 1º. de julho – Sábado

Local: Parque Villa-Lobos – Ilha Musical

Endereço: Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001
Alto dos Pinheiros – São Paulo – SP

Horário: das 11h às 19h

Classificação Indicativa: livre

Gratuito

Estacionamento no Local – grátis – Vagas limitadas

Mais informações:

https://www.facebook.com/Festival-BB-Seguridade-1672514106310646/Seguridade

 

Leave A Reply